Domingo, Ago 01st

Last update01:24:35 PM

Profile

Layout

Menu Style

Cpanel
NOTÍCIAS ITANHAÉM Condição de trabalho no Cemitério do Coronel é alarmante

Condição de trabalho no Cemitério do Coronel é alarmante

 No trágico combate contra o COVID-19 as batalhas perdidas pelos profissionais da Saúde abre caminho para um episódio de proporção dramática que envolve os trabalhadores que atuam nos cemitérios municipais. Sem contabilizar os efeitos psicológicos que pode interferir sobre esses trabalhadores, o enfrentamento das condições precárias de trabalho impõe uma dura rotina de trabalho aos servidores que atuam no cemitério municipal do Coronel, em Itanhaém.

Os diretores do SISPUMI constataram, no último dia oito, que o número de funcionário atuante no cemitério do Coronel é reduzido para atender o elevado número de exumação e sepultamento diário. A situação agrava quando é necessário realizar o descarte dos materiais de exumação, que apresentam grande potencial de conter insumo infectante e os funcionários também atuam para dispensar o material em condições duvidosas em relação às medidas sanitárias adequadas.

Devido a precariedade laboral e ausência de medida efetivas da administração, o SISPUMI reportou os fatos ao Ministério Publico do Trabalho. Precedendo o evento da pandemia do COVID-19, o sindicato já havia oficializado a prefeitura de Itanhaém, em 25 de novembro de 2019, alertando sobre a necessidade de elevar o efetivo que atuava no Cemitério do Coronel, além da possibilidade de aquisição de elevador pantográfico, que é um equipamento utilizado para elevação de urna funerária com segurança e eficiência, dispensando a extrema força física dos trabalhadores e, não raramente, conta com a ajuda de amigos e familiares dos sepultados. No mesmo sentido, para conter a propagação do COVID-19, o SISPUMI oficiou a prefeitura, em 28 de fevereiro de 2020 cobrando informações sobre o plano de ação que seria aplicado nos locais de trabalho para proteger os servidores públicos.

NOTÍCIAS

Setting

ACONTECE

Setting

COLUNAS

Setting
O quê lhe subiu a cabeça?

O quê lhe subiu a cabeça?

Na coluna do editor, comportamento mostra o que está na cabeça dos servidores

POLÍTICA

Setting
Com 45,49% dos votos, Marcio Cabeça é eleito prefeito de Mongaguá

Com 45,49% dos votos, Marcio Cabeça é eleito prefeito de Mongaguá

Eleição foi marcada por número recorde de eleitores que não compareceram para votar